Publicado em 28 de Julho de 2020 | 08h03m

Encontro de gigantes: Raça Negra e Leonardo se unem em live

Apresentação reúne sucessos de todos os tempos dessas duas feras!


Vanessa Benites



É muito amor em uma live só! De um lado, Raça Negra, um dos grupos de samba mais amados deste Brasil imenso; do outro, Leonardo, uma das vozes sertanejas mais potentes e icônicas. Mas aqui não há disputa, é só amizade e música romântica!

Esse showzão épico acontece na próxima sexta, dia 31 de julho, às 20h15, e será transmitido pelo YouTube e pelo Facebook dos artistas.

O repertório da live de Raça Negra e Leonardo ainda é uma surpresa, mas os fãs já estão pedindo nas redes sociais sucessos como “Cheia de Manias”, “Caroline”, “Gostoso Sentimento”, “Cigana” e “É Tarde Demais”; além dos clássicos “Pense em Mim”, “Desculpe Mas Eu Vou Chorar”, “Temporal de Amor”, “Entre Tapas e Beijos”, “Talismã”.

O mais legal desse encontro é que, como aconteceu nas lives anteriores do Raça Negra, o cantor Luiz Carlos e o convidado sobem juntos ao palco e criam novas versões para seus sucessos.

Só gigantes!
Com 34 anos de muito sucesso, o Raça Negra marcou a música dos anos 90 com vários hinos populares e foi uma das primeiras bandas de pagode a tocar em uma rádio FM. O sucesso foi tanto que, nessa mesma década, o grupo entrou para o Guinness Book por ter a canção “É Tarde Demais” tocada mais de 600 vezes em um mesmo dia nas rádios.

Ao longo de toda essa trajetória, o grupo lançou 12 vinis, 28 CDs, quatro DVDs e teve mais de 36 milhões de discos vendidos.

Bora relembrar sucessos dos anos 90? Quem sabe canta junto:

“Cheia de manias
Toda dengosa
Menina bonita
Sabe que é gostosa…”

Já o cantor veterano Leonardo está na estrada da música desde 1983, quando ele e seu saudoso irmão Leandro (1961-1998) formaram uma das duplas mais importantes do sertanejo brasileiro.

O artista acumula 22 discos e sete DVDs lançados e a impressionante marca de mais de 40 milhões de cópias vendidas, considerando tanto a carreira solo como a fase em que ele cantava com o irmão.

Via: Catraca 







COMENTÁRIOS

PUBLICIDADE